quarta-feira, 30 de junho de 2010

Como fazer seu filho dormir sozinho!

Olá fofoletes!! Meninas, como está difícil encontrar tempo (e vontade) para escrever aqui...ai,ai!

Estou super envolvida com a obra e como maridón ficou em casa desde a última quinta até hoje (adoro), tivem menos tempo ainda de vir aqui! Minha pequena está gripada e também me requer mais atenção.

Bom, hoje não vou falar sobre decoração, quero discutir com vocês um assunto que tem me tirado o sono... Seu filho(a) dorme sozinho(a)?

Minha filha tem 9 anos e agora, desde que meu quarto ficou pronto é que ela passou a dormir sozinha realmente. Mas tem sido complicado. Na maior parte das vezes eu só posso ir deitar depois que ela dorme e para ela dormir eu tenho que esperar ela cair no sono ou deitar com ela na cama dela para faze-la dormir... E vocês, o que precisam fazer??

Abaixo um texto retirado da net sobre este assunto.





Desde o momento em que chega da maternidade, o bebê já pode dormir sozinho no próprio quarto. Não, você não está ficando louca e nem abandonando o seu bebê, como muitas mães costumam pensar. Tome cuidado para não passar toda essa ansiedade para o bebê e fazê-lo pensar que é ruim ou perigoso ficar longe da mãe ou do pai.
Quando os pais colocam seus filhos para dormir em sua cama, estão passando uma mensagem de proteção. Porém, ao mesmo tempo, estão ensinando que o casal não precisa de privacidade, que quando o filho estiver com medo é só correr para os braços dos pais que eles resolvem tudo, mas não é bem assim que as coisas devem acontecer. Preste atenção nas mensagens que você passa para o bebê, pois depois vai ser bem mais difícil de ensinar ao seu filho quando ele estiver maior . Se o bebê estiver com medo e não conseguir dormir, vá ao quarto dele, conte uma história e fique lá até que ele durma mas volte para sua cama. Um dos erros mais comuns que os pais cometem é levar o filho para o seu quarto quando algo acontece, isso é completamente errado, pois a criança acaba se acostumando com essa situação e acreditem com o tempo ela vai se aproveitar disso para sempre dormir com os pais e não sozinha no seu próprio quarto.

Confie nos seus ouvidos: se houver alguma coisa errada, você logo vai perceber e socorrê-lo. Procure sempre passar para a criança que dormir sozinha é um gesto importante de autonomia e independência.


Sim, talvez aconteça de um monstro espiar pelo armário mas ela terá que aprender a lidar com seus medos, e não é super protegendo que você vai ensiná-la a enfrentar o desconhecido com segurança. Para os pais, essa separação também é importante: além de dormir mais tranquilos sem a apreensão de esmagar o bebê à noite, ainda há tempo para a privacidade, fundamental para a manutenção da vida íntima do casal.


Se seu filho já dorme com você, prepare-se para um processo longo, que pode começar a qualquer hora. Para isso é necessário fazer algumas mudanças como transformar o quarto dele em um lugar interessante e aconchegante para que seu filho possa se sentir bem e seguro acima de tudo. Uma das maneiras bem interessantes de desenvolver a vontade da criança de dormir no seu próprio quarto, é a decoração, peça ajuda pro seu filho na hora de escolher a cama os objetos, e não se esqueça de colocar um abajur com uma luz bem fraquinha, isso ajuda a criança a não ter medo. Faça-o dormir já na cama e não no colo, conte histórinhas, porém nada de histórias assustadoras, afinal a criança tem que relaxar pra poder dormir tranquila.

Se a criança chorar no meio da noite, vá até ela, verifique se está tudo bem, explique que é hora de dormir, tranqüilize-a até que durma novamente e volte para sua cama. Mas não saia correndo ao primeiro chorinho do seu filho, dê à criança tempo de reconhecer seu espaço e, quem sabe, voltar a dormir por conta própria. Depois de algumas semanas de muito acorda-levanta-dorme, você vai estar exausta, é verdade. Mas seu filho terá aprendido uma valiosa lição. Não se esqueça de elogiar a cada passo conquistado da criança isso fará com que ela alegre ao conquistar algo que para ela parecia ser impossível.



*Momento Obra*



Meninas, Domingo a lage do corredor e do banheiro serão batidas e eu e maridón estamos tão felizes por isso que todo esforço e dinheiro gastos nem estão nos perturbando...rs!

Desculpem o sumiço nos blogs de vocês, prometo colocar as visitas em dia!!



Beijos!!

21 comentários:

Anita disse...

adorei o post querida, super bjo.

Tudo com charme disse...

O meu bebê tem um aninho e três meses e dorme sozinho desde o primeiro dia que chegamos da maternidade. Foi a melhor coisa que fiz. As vezes ele acorda de madrugada...chora um pouquinho, mas logo dorme de novo.E olha que no começo eu ouvi cobras e lagartos das visitinhas..."vc tem coragem...?" Como se dormir no seu próprio quartinho era alguma violência, abandono...
Tenho amigas que estão passando o maior trabalho com seus babys porque agora ja estão grandinhos e não querem dormir longe da mamãe e do papai!!
Adorei seu blog!!
Bjs...
Jad

Ellen Daiane disse...

Oi..olha ate copiei o texto..tenho este msm problema...e agora que iremos nos mudar e cada um terá seu quartinho, hoje dormem no msm, não sei o irei fazer, pois tenho que ficar no quarto ate eles babarem de tanto dormir rssr
Bjooos

Cora disse...

Cynthia que post bacana adorei!!

Uma dúvida ficou, você é tão informada e esclarecida, como não conseguiu que sua princesinha dormisse sozinha ainda?Já sei a resposta, na prática tudo é mais dificil...rs!

Além de todos estes "beneficios" que você citou, ainda levamos em consideração que a criança que dorme na própria cama ainda se torna independente e acredite, menos frustrada, pois aprende a lidar com seus medos próprios da idade!
Além disso deixar a criança dormir até mais velha na cama dos pais, alimenta nela uma fase que ela já deveria ter superado!
Não é também fazer a criança ficar na marra, ou faze-la dormir chorando, não, isso não é o correto, são anos de sono ao lado da mãe e perder de uma hora para outra, vai dar a noção errada de que você a abandonou!!

O mais digamos "correto" é acostumar a criança desde recém nascida que ela tem sua cama, seu quarto, e os pais os deles!!

Um beijo, Cora.

Giovana disse...

Ai que tarefa!!! Meu filho mais velho sempre dormiu sozinho numa boa... agora o mais novo vai fazer 5 anos e ainda me dá o maior trabalho e muito deita levanta.O que complica muito é que são duas casas, a do pai e da mãe. Por mais que se entre em acordo sobre isso é sempre diferente!!!!
Afff, é uma trabalheira toda noite!
Adorei o post
Bjão
Gi

Misturação - Ana Karla disse...

Cynthia bom dia!

Tenho dois meninos, de 10 anos e 6 anos.
Desde o primeiro dia de suas vidinhas em casa, dormiram em seus quartinhos, nos seus berços.
Até hoje vão para suas camas quando está na hora. Dão boa noite, apagam a luz, se cobrem e dormem super bem.
Sou muito carinhosa com eles durante todo o dia.
Dou atenção, brinco, ensino tarefas, etc.

O bebê é assim:
quando ele nasce tudo será novidade e ele estará se adaptando a tudo, pois é um mundo totalmente novo para ele.
Então o primeiro passo é esse, dormir em seu quartinho no seu bercinho.
E assim são os demais costumes.

O texto postado está corretíssimo e quem o seguir não terá nenhum trabalho. E todos ficarão felizes.


Prosperidades na reforma.

Xeros!

Santa Imaginação disse...

Cynthia!!!Isso conheço beeemmm!!!Meu filho menor que hoje tem 16...dormiu na nossa cama até exatamente os 9 anos ...Que dureza!!!Tive que literalmente proibir...tenso prá caramba....mas passou!!!
Bjs
Zu

ARTES LILA disse...

ola amiga obrigada pelos elogios
tento apenas fazer o melhor rsrs
volte sempre ta
bjsssssssssss

Simplesmente Luísa disse...

Já passei por várias etapas sabe... Afff...cada sufoco!!! Nem dá pra contar...
Sempre fiz de tudo para q ela dormisse sozinha, desde bebê. As vzs dá certo e as vzs não... cheia de fases!!!
Ela tem 5 anos... e tivemos mtas mudanças... e desde q passamos a morar nós 3 sozinhos e ela a ter o seu quartinho, até q não tem sido tão difícil... Mas tem época... principalmente se ela sai de uma gripe ou algo assim...
Então, eu sempre deitava com ela (a cama dela é MINI, imagina minha coluna) eu deitava e esperava ela dormir, era um dengo só... dormia depois de um tempão e de madrugada acordava e me chamava!!!
Eu tinha q acordar cedo pra ir pra faculdade ficava desesperada de cansada... Fora que ela dormia suuuuper tarde. Até q um dia meu marido estressou...Determinou q ela dormiria as 21h. Ele brigou com ela, chamou atenção e disse q ela deveria dormir sozinha... No início foi uma brigaiada pq eu não concordava. Masss... foi uma beleza! Ela acostumou dormir nesse horário e agora dorme sozinha e acorda cedo e apssa o dia bem melhor, sem manha, sem chororô... Dava a hra a gente falava c ela, ela ia escovar o dente, ver desenho, deitar e dormir...Dorme a noite toda!!!! O máximo q ela faz é 6h da manhã deitar na minha cama e dormir mais um pouco,rs.
Porém, desde que entrei de férias da faculdade ela anda abusando... incrivel! Fica mais agarrada, gruda em mim que nem chiclete! Adoroooo, mas cansa mto, não consigo fazer nada...TUDO ela quer q eu faça, e agora deu pra querer q eu deite com ela... no início eu cedi, pensava q não custa já q não tenho q acordar cedo... Mas é incrivel como ela enrola mais, choraminga mais, acorda de madrugada e me chama... ish!!! Não dá! Ontem briguei com ela e hj coloquei ela pra dormir cedo!!! Está lá deitada, vamos ver no q vai dar!!!!
Sei que elaé novinha, mas td é questão de hábito...
Porém sei q não é para sempre, logo ela já está me chamando de novo!!! E a gente vai né?? rssss
Beijos e boa sorte!!!
Ah!!!! Sabe oq ajuda muito ela não ter medo e se sentir mais segura??? Ela tem um cobertozinho q ela não larga desde bebê. (pode ser chupeta, paninho, bichinho de pelúcia, boneca) Isso dá segurança pra criança dormir sozinha!

Janinha disse...

Olha, eu não tenho filhos, mas adoro o modo com q a Supernany faz essa adaptação com as crianças, firme mas tranquila. Se vc nunca assistiu eu acho q seria uma forma mais explicativa de vc ver na prática como funciona. Boa sorte Cy! Bjocas.

Cynthia Saccoman disse...

Adorei o post.
Saudades de passear por aqui. Como vc esta?
Beijos

Adriana disse...

Amei seu blog. Já estou seguindo.

Passa lá no meu bloguinho que tem sorteio e será uma honra se vc participar.

beijos

Dri
http://coisasqueeuamoetc.blogspot.com

Artes da Lidi disse...

estou passando para te desejar um lindo fim de semana.
Bjinhos cheios de carinho.
lidiane

Provance Home Banho disse...

Oi Cynthia ,

Parabéns pelo blog , excelente , adorei....Seu texto está dezzzzz..
Bjsssssssssss

http://www.provancehomebanho.blogspot.com
Passe lá quando puder ok !!!!
Bjsssssssssssssssss

alessandra disse...

Oi como vai espero que esteja tudo bem, vim fazer uma visita e ver como tudo anda
Venha me fazer uma também
WWW.vivendoartes-aleartes.blogsport.com
Até mais

Lola Sciwinzki disse...

Menina onde vc anda?
Ta sumidíssima.
Saudades dos seus posts.
Como eu não sabia exatamente o nome do blog. Fui procurar no google e achei outro blog, prato raso.
Acabou q fui parar em um outro blog q me deu o link para o seu.
E vi a postagem q vc fez sobre uma cirugia de redução de estômago.
Nossa, morro de vontade de fazer.
Vê se aparece.
Bjks.

Michele disse...

Oi Cynthia!! Gostei muito do texto. Mas hoje acho que filho não tem receita não, eu tenho 2, uma menina de 11 anos que por pouca condição financeira dormiu no mesmo quarto que o meu até completar 5 anos. Na hora de ter seu próprio quarto foi um sofrimento, comecei dividindo o meu comum roupeiro, até colocá-la no quarto dela. Tudo foi bem custoso. Já o menino desde que nasceu dormia no berço em seu quarto sozinho, porém ele sempre foi uma criança muito ativa e fazia trampulim com o travesseiro+protetor de berço e tentava pular de lá. Coloquei ele numa cama com outra auxiliar e desde então tem sido o seguinte resultado: ele acorda a noite e corre para meu quarto, se coloco ele de volta no maior sono pesado ele acorda e vai para o quarto da irmã. Tem noites que fico tão cansada que só percebo que ele esta do meu lado no dia seguinte!
Meu irmão é outro exemplo, dormiu com meus pais até os 10 anos(também por falta de condição) então meu pai construiu uma casa e fez um quarto para ele, desde então ele dorme sozinho sem problema nenhum, também não foi nada sofrido.
Por isso varia muito. Filho é só emoção o que sente e reflete é a energia do ambiente, não tem receita!
Faça só o que seu coração de mãe mandar, este momento você com ele é sempre único!! Aproveite, um beijo grande Michele!!
http://obrasdesonhos.blogspot.com/

Martina Zappelini disse...

Olá Cynthia!

Estou passando para avisar que está rolando o sorteio de um belíssimo abajur provençal na Cioccolato e que ficarei muito feliz com a sua participação!!!

Beijos, Martina!

Jenny disse...

Olá amiga!
Estou passando pra te avisar que meu blog mudou e está de cara e endereço novos!!

http://papodeamelia.wordpress.com/

Atualiza seus favoritos e linka esse novo endereço!
Espero sua visita e seu comentário pra dizer o que achou do meu novo cantinho!
Beijos!

Mariangela Maciel disse...

Oi amiga
Adorei!!!!Meus filhos hj são adolescente mais dormiram conosco muito tempo, que saudade!!!!!

♥ Carine Calé ♥ disse...

Muito legal seu post Cynthia, adorei!!!

Vim te convidar para participar do sorteio que estou fazendo no Giuliana - Original Handmade, ficarei feliz com a sua participação : )

http://giulianaoriginalhanmdade.blogspot.com

Beijinhosss
Carine